"Navegue por seus sonhos, mas tenha um porto seguro. Finque suas raízes em solo fértil que lhe garanta bons frutos no futuro." - G. Nobio.

Translate / Tradutor

9 de abril de 2009

À Espreita


"Não enfrentes monstros sob pena de te tornares um deles, e se contemplas o abismo, a ti o abismo também contempla."

Friedrich Wilhelm Nietzsche

***

E assim encerra-se o capítulo VI da novela gráfica Watchmen - que traça as origens do personagem Walter J. Kovacs, vulgo Rorschach. Na trama seu perfil é descrito pelas autoridades como uma pessoa perturbada e deplorável, em outra ótica tal homem seria a personificação da justiça a combater as mazelas do mundo.

Insano ou não, Kovacs é de longe um dos heróis mais intrigantes da cultuada história em quadrinhos - criada pelo roteirista Alan Moore e pelo desenhista Dave Gibbons - por suas inabaláveis convicções e seu senso rigorosamente reto. O destemido Rorschach, por conta e risco, ao investigar a morte de um velho amigo vigilante, depara-se com uma sórdida conspiração que poderá aniquilar muitas vidas e mesmo recebendo pouco crédito no início trata de colocar outros ex-companheiros em alerta.

O enredo foi adaptado para o cinema em Watchmen: O Filme, mas para entender a obra por completo nada melhor do que mergulhar na minissérie publicada originalmente em 12 capítulos (entre 1986 e 1987). Ainda bem que tiveram a bela idéia de relançar em 2009 em dois volumes.

__________________________

"A sombria e inigualável trama tem início com ilusões paranóicas do supostamente insano herói Rorschach, um dos Watchmen que patrulhavam os EUA décadas atrás. Mas ele estaria realmente insano ou na verdade teria descoberto uma sórdida conspiração para assassinar super-heróis ou, pior ainda, milhões de civis inocentes?

Fugindo da lei, Rorschach junta-se a ex-companheiros do passado em uma desesperada tentativa de salvar suas próprias vidas... e o que acabam descobrindo, além de abalar suas estruturas, poderá alterar o próprio destino do planeta Terra!

Uma das graphic novels mais influentes de todos os tempos e um eterno bestseller, WATCHMEN só cresceu em estatura desde sua publicação original, como minissérie, em 1986. Esta edição de luxo, com capa dura, papel especial e formato diferenciado, traz a lendária saga escrita por Alan Moore e desenhada por Dave Gibbons, totalmente recolorida digitalmente por John Higgings, o colorista original." Fonte: Panini Livros.

0 comentário(s):

ACESSOS!

© 2014 - Nobio Da Paz Produções Musicais / Template: D.B.