"Navegue por seus sonhos, mas tenha um porto seguro. Finque suas raízes em solo fértil que lhe garanta bons frutos no futuro." - G. Nobio.

Translate / Tradutor

16 de maio de 2012

#SambaEsquemaNossoDeCadaDia

Em 1963, o jovem músico Jorge Duílio Lima Meneses lançou seu primeiro álbum revelando todo o seu suingue ao violão e cantando letras bem humoradas (seja satirizando o cotidiano ou falando de amor). Aos 18 anos de idade, o rapaz já era conhecido como Jorge Ben e o longplay de estréia - que décadas depois tornaria-se um clássico - chama-se Samba Esquema Novo. O repertório composto de 12 canções foi inteiramente gravado com a banda Os Copa 5, do saxofonista tenor J.T. Meirelles (responsável pelos arranjos).

A primeira faixa do disco - Mas, Que Nada - talvez seja atualmente uma das músicas brasileiras mais conhecidas no exterior, já que Sérgio Mendes e Will.I.Am fizeram uma versão rap em 2006 interpretada pelo Black Eyed Peas com a participação do pianista niteroiense. Com seu estilo inconfundível e a levada do seu samba-rock, Ben influenciou muitos artistas nos anos que se seguiram, além de ser um compositor muito cultuado e regravado. Outros fonogramas bastante populares desse mesmo álbum são Balança Pema, Chove, Chuva e Por Causa De Você, Menina.

O ataques jazzísticos de metais e o sambalanço do contrabaixo ou do violão têm as características da sonoridade típica da época das gravações analógicas: simples e sem truques (deixando uma incrível sensação de saudade de um tempo que não vivi). Destaque para as faixas Vem Morena Vem, Rosa Menina Rosa e Menina Bonita Não Chora. Salve, Jorge. Clique aqui e ouça!

0 comentário(s):

ACESSOS!

© 2014 - Nobio Da Paz Produções Musicais / Template: D.B.